sábado, 25 de setembro de 2010

O Estranho Caso do Menino Que Não Desabafa!



Lourinhã: Na EB 2,3 Dr. Afonso Rodrigues Pereira

Ameaça docente com tesoura


Um aluno de 11 anos ameaçou a professora com uma tesoura na sala de aula, anteontem, na escola básica de 2º e 3º ciclos Dr. Afonso Rodrigues Pereira, na Lourinhã. Na origem da tentativa de agressão terá estado uma discussão em torno do computador Magalhães.

Por:André Pereira


O aluno, R. Santos, já referenciado por outros episódios violentos, encontra-se suspenso e ontem já não foi às aulas. Os pais, ambos desempregados, foram informados pela Comissão Administrativa Provisória (CAP) da escola, mas só na próxima semana vão procurar saber qual a duração da suspensão.

"Quando saiu de casa, o R. estava bem. Estava calmo. Depois telefonaram-me da escola a dizer que tinha tentado agredir a professora com uma tesoura", contou a mãe, Carla Rodrigues, de 26 anos, desconhecendo os motivos que levaram ao gesto do filho: "Ele não me conta nada. O R. é muito calado. Não desabafa."

Segundo João Barbosa, de 48 anos, padrasto de R. Santos, o professor Bruno Santos, assessor da CAP, explicou que "o motivo da suspensão tinha sido a ameaça à professora". "Dizem que é um crime público e está suspenso por isso. De certeza que não quis fazer mal à professora. Parece-me exagerado", afirmou João Barbosa.

O casal e os três filhos – R. Santos (11), B. Santos (9), do primeiro relacionamento de Carla, e E. Barbosa (3), do actual – moram no bairro social da Ladeirinha, na freguesia de Reguengo Grande, e vivem com 600 euros do rendimento social de inserção. "Os novos colegas de turma têm Magalhães e ele não. Acho que as razões da discussão com a professora se devem a disso", justificou o padrasto.

Bruno Santos, da CAP, por sua vez, explicou que "o assunto está a ser legalmente tratado".



Claro que é exagerado! Então só por ameaçar a professora com uma tesoura, tentando esfaqueá-la, o menino é suspenso???!!!...

Ainda por cima até saiu de casa bem disposto e tudo! Se calhar aborreceu-se com alguma coisa e resolveu tentar esfaquear uma professorazita para descomprimir... Se não é para isso que as professoras servem, então não sei!...

E depois é uma criança que não desabafa, coitadinho!!!... Já o irmão, que está na foto, ao colo, parece ir pelo mesmo caminho. Mas quando for para a escola, derivado ao hábito de malhar nas professoras, há-de começar a desemburrar, se Deus Nosso Senhor quiser...

2 comentários:

  1. nos sabemos quem tu és,és um parvo!!!

    ResponderEliminar
  2. Comentário que dispensa comentários. Quando me virem digam-me isso na cara, pode ser?

    ResponderEliminar