domingo, 22 de março de 2009

Um Equívoco


Hoje, nas nossas escolas, vivemos dois graves equívocos:

O primeiro:

É o de que a escola dá educação. É parcialmente verdadeiro. A escola dá instrução e educação. Mas não pode fazer de meninos mal educados e mimados, ou de meninos marginalizados dos bairros de lata, prodígios de civismo e bom trato.

O papel das escolas é o de serem locais onde se ensina e se aprender. Não são instituições destinadas a injectar civismo em alunos que não o possuem porque não o trazem de casa, da família, do bairro, da Sociedade.

Não é desculpabilizando o malcriado ou o delinquente, não é permitindo que estes agridam, insultem, impeçam os colegas de aprender, que se resolve seja o que for! Na escola deve pedir-se a mesma conduta que se pede em qualquer outro lugar.

O jovem Kuku, que apontou uma arma a um polícia e recebeu um tiro do agente (que procedeu correctamente), quantas vezes terá sido desculpado na escola pelos seus comportamentos de delinquência?

Foram os professores que o desculparam? Não. É o sistema que o exige.

Sem comentários:

Enviar um comentário